Escândalos no Senado II: Artigo do Folha OnLine
Geografia

Escândalos no Senado II: Artigo do Folha OnLine




Desde ontem, os principais jornais televisivos transmitem o pronunciamento do nosso presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva acerca dos escândalos no Senado e, inclusive, se colocando totalmente indiferente, neutro à figura e às denúncias contra o presidente do Senado, José Sarney.

Como eu havia postado a respeito da Crise no Senado, achei oportuno compartilhar - neste espaço - o artigo do repórter (Folha OnLine) Valdo Cruz, publicado hoje.

A grande expectativa fica para semana que vem, quando termina o recesso parlamentar e o Conselho de Ética iniciará a abertura e a análise dos processos com as diversas denúncias contra José Sarney, os quais podem levar à cassação de seu mandato.
Confiram o artigo...

31/07/2009
O problema é do Lula, sim!
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse ontem que o futuro do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), não é problema seu. Questionado se discutiria com o aliado peemedebista seu futuro à frente do comando do Senado, Lula disparou: "Não é um problema meu [a permanência de Sarney]. Eu não votei para eleger Sarney presidente do Senado nem votei para ele ser senador do Maranhão (sic)", confundindo o Estado pelo qual o peemedebista foi eleito, o Amapá.

Com todo respeito, nada mais falso. Verdade que, votar, ele realmente não votou em Sarney. Mas que trabalhou pela eleição do aliado, ah, isso ele fez. Que o diga o senador petista Tião Viana, derrotado por Sarney na disputa pelo comando do Senado. Na época, o petista reclamou da falta de apoio do Palácio do Planalto.

Ao dizer ontem publicamente que Sarney não é problema seu, Lula não foi fiel ao que vinha dizendo em particular. Ao próprio presidente do Senado e demais aliados peemedebistas, Lula mais de uma vez defendeu a permanência de Sarney no cargo. Reiterou esse apelo nessa semana, durante conversa por telefone.

O mesmo presidente que ontem disse que Sarney não é problema seu comandou uma operação para enquadrar os senadores petistas antes do recesso parlamentar, quando a bancada do PT no Senado ensaiou abandonar o peemedebista. Foi um rolo compressor, constrangedor para os senadores. Na época, ele foram obrigados a desdizer o que já haviam dito sobre Sarney.

Agora mesmo, na reta final do recesso, Lula entrou em ação para solicitar a seus companheiros que maneirassem no tom em relação ao presidente do Senado. E prometeu ao PMDB trabalhar, mais uma vez, para que nem todos os 12 senadores do PT abandonem José Sarney em seu momento mais delicado.

O fato é que Lula já defendeu publicamente Sarney várias vezes. Estava pegando mal junto ao eleitorado. Daí que ele já havia avisado que passaria a ser econômico nas palavras em relação ao presidente do Senado, evitando novas declarações públicas de apoio. Mas não se furtaria a trabalhar nos bastidores em nome do peemedebista.

E dificilmente Lula poderá abandonar totalmente Sarney. Afinal, ele sabe muito bem o problema que criará se assim o fizer. Um PMDB abandonado no Senado pode dar o troco nos trabalhos da Casa, mais precisamente na CPI da Petrobras. Tudo que Lula não deseja.

A dúvida é sobre a resistência de Sarney diante do agravamento da crise que enfrenta desde sua posse, em fevereiro. Familiares dizem que estão pressionando pela sua saída. Mas os aliados mais próximos no PMDB garantem que ele está firme no posto e comandando a estratégia de sobrevivência, que passa pela representação no Conselho de Ética contra o líder tucano no Senado, Arthur Virgílio.

A verdade é que o cenário está um pouco nebuloso nessa semana. Na próxima, com a volta dos trabalhos do Congresso, tende a ficar mais claro. Até lá, nada deve acontecer.

Valdo Cruz, 48, é repórter especial da Folha. Foi diretor-executivo da Sucursal de Brasília durante os dois mandatos de FHC e no primeiro de Lula. Ocupou a secretaria de redação da sucursal. Escreve às terças.

E-mail:
[email protected]


Fonte: Folha OnLine



loading...


- O Presidente Do Conselho De Ética, Paulo Duque, Decidiu E Arquivou As Acusações Contra José Sarney
Imagem capturada da Internet Foi divulgado no início da noite, a decisão final do presidente do Conselho de Ética, Paulo Duque (PMDB-RJ), acerca das denúncias contra o senador José Sarney. E, como já era de se esperar, este rejeitou mais sete...

- Crise No Senado: Uma Pequena Faceta Da Conjuntura Política Do Brasil
Imagem capturada da Internet Estive ausente temporariamente, embora tenha respondido os comentários de duas alunas (Jheniffer e Tamiris) acerca do adiamento do reinício das aulas nas redes de ensino público no Rio de Janeiro. Estive ocupada com...

- Bate-boca Na Primeira Sessão Plenária Do Senado Federal
Senado Federal - Imagem capturada da Internet Hoje foi transmitida pela TV por assinatura, através do Canal 118 (TV Senado) a primeira sessão plenária do Senado Federal, após o término do recesso legislativo. No plenário, os principais pronunciamentos...

- Ser Ou Sarney?
Pois é, minha gente, depois de enaltecer o povo brasileiro, não dá pra fugir. É hora de meter o malho nessa corja desclassificada de políticos, nossos representantes (?) em Brasília, ou em qualquer outro lugar, que infestam e adoecem o nosso país....

- Agora, Oposição “descobre” Clientelismo De Sarney
Por Michelle Amaral da Silva Debate de 2010 é antecipado e maranhense vira principal alvo Renato Godoy de Toledo da Redação Brasil de Fato A crise instaurada no Senado Federal tem circundado a figura do mandatário da casa José Sarney (PMDB-AP),...



Geografia








.